"Há, atualmente, uma revolução tecnológica que não podemos ignorar. Temos que utilizar estas tecnologias de acesso à informação a nosso favor."
— Prof. José Ricardo Bergmann, Vice-Reitor Acadêmico da PUC-Rio
"Se pudermos flexibilizar o ensino presencial, melhor. Organizar o horário e oferecer algumas aulas não presenciais: é importante."
— Prof. Marco A. Casanova, Coordenador Central de Planejamento e Avaliação e Professor Titular do Departamento de Informática da PUC-Rio
"Há muitas vantagens em se trabalhar com a tecnologia apoiando as aulas presenciais. Em Cálculo I, por exemplo, os alunos ficaram muito animados e os veteranos que estavam repetindo a disciplina se sentiram atraídos e participaram bastante."
— Prof. Sinésio Pesco, Coordenador de Graduação do Departamento de Matemática da PUC-Rio
"Estamos lidando com algo novo. É uma cultura nova para alunos e também para professores.É preciso criar novos mecanismos de relacionamento. Decidi usar imagens (como emoticons) para aproximar as pessoas e, curiosamente, às vezes, sinto uma aproximação maior com estes alunos que estão fisicamente longe."
— Profa. Rosemary Fernandes da Costa, Departamento de Teologia da PUC-Rio
"O número de reprovações diminuiu depois que comecei a usar os recursos tecnológicos. Claro que não é apenas o Moodle o responsável pela mudança das notas, há uma melhoria na qualidade de ensino do professor, mas sem dúvida, o Moodle contribuiu muito."
— Prof. André Pimentel, Departamento de Química da PUC-Rio
"Passamos por um período inicial de conhecimento do ambiente virtual, e, agora que dominamos este espaço temos mais liberdade para trabalhar formas de envolver o aluno."
— Profa. Monica Batista Campos, Departamento de Teologia da PUC-Rio
Clara Ishikawa | Aluna de Design - Comunicação Visual - 8º período
Luisa Bié | Aluna de Design - Comunicação Visual - 7º período